Imóvel anterior a 1951 – Dispensa Certificado Energético?

Os edifícios ou frações anteriores a 1951, data de entrada em vigor do Regulamento Geral das Edificações Urbanas (RGEU), estão isentos de licença de utilização (caso o edifício não tenha sido alterado, ampliado ou reconstruído), pelo que muitas vezes, quando pensamos em vender ou arrendar um prédio, surge a dúvida – será que o meu imóvel também está isento de Certificado Energético?

A resposta é NÃO, um imóvel cuja data de construção seja anterior a 1951 está abrangido pelo DL 118/2013, que aprova o Sistema de Certificação Energética dos Edifícios (SCE), o Regulamento de Desempenho Energético dos Edifícios de Habitação (REH) e o Regulamento de Desempenho Energético dos Edifícios de Comércio e Serviços (RECS), sendo obrigatório a apresentação de Certificado Energético em processos de venda ou arrendamento.

Consulte aqui todas as situações de dispensa de apresentação de Certificado Energético.

Artigos relacionados:

Qual a utilidade do Certificado Energético?
Certificado Energético – Será que o meu imóvel dispensa?
Taxas ADENE: saiba o valor das taxas de certificação energética
Candidaturas ao IFRRU 2020 para apoio à reabilitação urbana
10 Perguntas e Respostas sobre o seu Certificado Energético
10 soluções de Eficiência Energética